sexta-feira, setembro 07, 2012

in-deriva

procedimento 9:

do objeto e seu entorno.

no espaço de passagem, o objeto torna-se discurso de uma narrativa pessoal.






fotos sarah push e fê luz


proposição sobre a transitoriedade do corpo-poema, 
no objeto em percurso.

sarah push e fê luz - campeche/florianópolis - 2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário